sábado, 10 de outubro de 2009

PROJETO ADOLESCÊNCIA SAUDÁVEL - PREVENÇÃO AO USO DE DROGAS

Durante a semana de 05 a 09/10, os alnos do 8º ano A e B assistiram ao filme Diário de um Adolescente. A exibição desse filme faz parte das ações do projeto Adolescência Saudável.
Direção: Scott KalvertNas próximas semanas, promoverei discussão sobre o tema, os alunos analisarão propagandas da Campanha Viva Feliz sem Drogas e apresentarão o trabalho de Jornal Falado sobre o tema Adolescência.


Roteiro: Jim Carroll, Bryan Goluboff

Gênero: Biografia/Drama/Esporte

Origem: Estados Unidos

Duração: 102 minutos

Tipo: Longa

Ano: 1995

O interessante do filme é que as suas experiências são escritas em um diário, por isso é bastante sincero, pessoal e verdadeiro, de alguém que realmente viveu essa realidade. Ele relata no seu diário as experiências que teve com as drogas, as sensações, e outras circunstâncias que envolvem essas experiências. Muitos jovens que passaram e ainda passam por isso podem se identificar. Por conter muitos relatos alguns serão citados aqui.
No início Jim e seus amigos Pedro, Mickey e Neutron utilizam drogas mais “leves” como cigarros, bebida alcoólica e inalantes. Depois de um tempo Jim começa a usar cocaína e heroína. Abaixo ele fala sobre a primeira vez que usou heroína.
Nessa cena também sua mãe percebe a situação. Começam os desentendimentos.

“Primeiro, é um lance de Sábado à noite. Você fica legal como um gângster ou um grande astro do rock. É uma coisa pra matar o tédio, entende? Chamam isso de geral, um pequeno hábito. E você se sente tão bem que começa a fazer nas terças, nas quintas… e pega você. Todo cara que eu conheço diz que não vai acontecer com ele. Mas acontece.”
O primeiro roubo. Vende drogas no colégio. É assediado pelo técnico.
“Seu nariz escorre, seu estômago dói. Suas pernas parecem que jogaram seis partidas, uma atrás da outra. E a voz tá sempre lá no fundo da sua mente… dizendo: Só mais uma vez. Depois a gente pára. Você quer parar. De verdade. Mas é como um sonho. Não pode parar os sonhos. “
Usam droga para ficarem ligados durante o jogo porem o efeito é contrário. Saem da escola e Jim sai de casa, ficam morando nas ruas.
No filme Jim é expulso do colégio e também sai de casa, passa a viver nas ruas. É ai que seu amigo Reggie o encontra e o ajuda. Ele o deixa longe do contato com as drogas e o filme mostra as cenas da crise de abstinência que Jim enfrenta. Ela acontece depois que o usuário passa um determinado tempo sem usar a droga.
Ele decai novamente no vício e para conseguir dinheiro para comprar drogas ele se prostitui. Muitas coisas acontecem porém ele consegue vencer o vício. Essa é a cena final onde ele compartilha isso.
“E temos nós, garotos de rua. Começamos bem moleques, treze, por aí. Temos tudo sob controle. Não vamos entrar no vício. Raramente funciona. Eu sou uma prova viva. Mas, no final, tem que encarar o viciado como outro emprego das nove ás cinco. Só que as horas têm maior tendência às sombras.”







CONFIRA TRECHOS DO FILME DIÁRIO DE UM ADOLESCENTE E, EM SEGUIDA, COMENTE  SE GOSTOU DO FILME E O QUE APRENDEU COM A HISTÓRIA DE VIDA DE JIM CAROLL.http://www.youtube.com/watch?v=1f7M2XcWXPA
http://www.youtube.com/watch?v=9bOjc70f4p8

4 comentários:

Anônimo disse...

Professora:
O filme é muito interessante,pois é baseado numa história real.Tiramos do filme a seguinte mensagem:"Muitas pessoas que pensamos que são nossos amigos não são,se oferecem drogas para nós e recusamos,somos os caretas da turma,mas eu prefiro ser careta do que ser um usuário de drogas".

NOME:Maísa Helena SÉRIE:8°ano B
NOME:Jennifer Caroline Série:8°ano B

Anônimo disse...

Professora:
"Muitas pessoas que pensamos que são nossos amigos não são,se oferecem drogas para nós e recusamos,somos os caretas da turma,mas eu prefiro ser careta do que ser um usuário de drogas".
nome:Fabio augusto

Anônimo disse...

Os adolescentes que usam drogas
nunca teram um futuro melhor se não se tratarem.

Anônimo disse...

Prof:francisca
Os adolescentes que usam drogas
nunca teram um futuro melhor se não se tratarem.

nome:ricardo macedo